Desmontando ...

 


(falta a culpa é do Costa, do Sr. Silva, de Lisboa, dos ingleses, da Europa, dos outros, dos turistas, ..... )

A beleza pode abrir portas, mas somente a virtude entra, provérbio inglês

O Dr. Miguel Albuquerque (MA) é um pândego. Então para números, naquela cabeça vai uma pandemia de muitos.  Mas uma coisa é certa. Os números que debita nunca são estáticos. Apenas dinâmicos. Também demasiados tontos, demasiados inventados, demasiados apalermados e demasiado martelados. Aliás os (des)GR´s e este que preside, utilizam a chamada contabilidade criativa, que é a ciência de martelar os números, a seu favor.

Lembram-se desta frase "prefiro gastar em testes do que no desemprego" ? Pois, afinal MA não gastou/gasta ( se gasta é mal ) em testes e no desemprego.....é Lisboa que gasta. Usa as casas do "polvo" para "ajudar" pessoas, com dinheiro vindo da segurança social, logo do orçamento nacional e quer fugir a um escrutínio sobre a seriedade dessas "ajudas", porque a maioria delas ou são para quem jura ( ou é obrigado ) que vota no psd-M, ou para todos perceberem que na RAM, o psd-M , as casas do "polvo", as juntas psd-M, o banco alimentar conta a fome e ..... confundem-se, nunca sabendo onde acaba o (des)GR e instituições, ou onde começa o partido 

(OBS: tenho comigo um relato de uma pessoas que foi a uma casa destas na zona Norte e diz ter sido, pelo funcionário que atendeu, "lembrada" de que quem era bom era o psd-M, aliás até canetas, propaganda do psd-M estava visivel. Outro relato diz ter sucedido o mesmo numa junta de freguesia no Funchal e em Camâea de Lobos. Mas fica para outro artigo.  ) 

Acreditava até algum tempo atrás que a Matemática era a única ciência que não podia ser manipulada pelo homem, até encontrar os contabilistas criativos destes (des)GR´s. Pedro Calado é uma sumidade nela. E vai ao Nobel das finanças criativas. A DREM que "controla" é outro centro de criatividade. Como são também os  jornalixa(o)s que recebem, divulgam informações, sem puxarem por aquela coisita que está acima dos ombros. Nem vou refirir os grunhos, porque esses, Deus nosso Senhor, apenas lhes deu o sentido, a oportunidade, de serem ignorantes que aceitaram de bom grado. 

Boas contas fazem bons amigos, provérbio francês

Isto para dizer, que MA debitou mais uma criatividade. Ele disse que o (des)GR “estima” gastar 20 milhões de euros nas 2 unidades de rastreio nos aeroportos da Madeira. O que é uma medida do desvario que vai nas finanças deste (des)GR.

Fiz umas contas. Atente-se no quadro.


MA “esqueceu-se” que os recursos humanos e técnicos JÁ estavam pagos ( se não estivessem ali, estavam noutro lado, testes incluídos ), não custam dinheiro. E nestas contas, até me esqueci que as obras pagas pelo GR custam sempre quase o dobro, que no continente (por causa da TOR, Taxa de Obra do Regime, que o (des)GR adora pagar aos "amigos" ). Também os alugueres dos espaços no aeroporto (nem em Orly),  o combustível ( para ir colocar e trazer gente ), levam sempre com a TOR. É uma "cruz", uma TORmenta que os (des)GR "passa" para os amigos, que agradecem, pedindo por mais TOR´s. ( Por isso .....  os preços que coloquei no quadro são "à la" (des)GR, com a TOR incluída).
Boas contas ? Só os nossas contos, provérbio psd-M

E sobram quase 12 milhões de euros para…..por certogastar nas "comissões". Naturalmente sobre "obras a mais" que são tão frequentes nos concursos e compras que este (des)GR faz, ou a TdU - Taxa de UrgÊncia que o (des)GR usa também com bastante frequência ( muistas vezes sobretaxando a TOR ). Ou talvez para alguma "comissão" de consultadoria ou assessoria ou de futurologia para ajudar fazer a obra, estudos e projectos de engenharia, custos de representatividade.... enfim, entre TOR´s, TdU, assesores, consultores, projectistas, "turistas".... o dinheiro vai-se.

Mostro um exemplo deste desvario. Imagine-se o que está a acontecer/aconteceu no concurso do hospital (vai acontecer), nas obras públicas, nas aquisições,.......

Repare-se nestas afirmações e tentemos advinhar quem as fez: 1-“O Governo da Madeira vai financiar tudo, mesmo seja positivo, exceto a repatriação do turista”; 2- “Se retomas a situação sem segurança, corres o risco de novos surtos, tens que fechar tudo de novo, por isso é muito importante o investimento em testes”; 3- "e o Governo português contribuir 66,8% do salário do funcionário em situação de “lay-off”, o Governo regional da Madeira pagará o resto durante os meses de junho e julho de modo a poderem manter o poder aquisitivo."; 4- “Por isso, o principal ativo para a Madeira é a segurança sanitária”;5- " ....expoente do turismo seguro está o Porto Santo, com 3.000 habitantes, uma “ilha paradisíaca”,  que num prazo de dois ou três anos será a primeira ilha europeia livre de emissões poluentes, já que apenas irá operar com energia verde"

Yesss , MA "himself" todos acertaram Nestas afirmações que fez existe alguma ponta de verdade ? Financiar tudo ...;investir em testes ( que são/foram pouco feitos ); segurança sanitária ( que não existe); Lisboa a pagar 2\3 do ordenado ( que ele, MA e os "muchachos" sempre negam e o (des)GR o restante terço); Porto Santo como primeira ilha livre de emissões poluentes ( então os Açores, nas Flores e no Corvo );....

MA deliberadamente, por convicção ou por ignorância mente, omite, engana.  Mente para nós e mente para fora. Por isso é um perigo para nós e para outros. Também por isso tem e deve ser desmontado. 

Era isso que eles queriam: mentiras. Mentiras maravilhosas. Era disso que precisavam. As pessoas eram idiotas, seria fácil pra mim assim, Charles Bukowsky

Última questão que deixo. Sabendo-se quando chegam os aviões, porque é que o pessoal de saúde continua lá no aeroporto,  mesmo quando eles, os aviões, não aparecem ? Podendo estar a trabalhar nas listas de espera do hospital ou a atender no centro de saúde…por exemplo em Sta Cruz ou Machico que ficam perto ? A resposta é só uma: a incapacidade do (des)GR gerir os recursos técnicos e humanos à sua disposição. Por isso a saúde é a que temos e o número de óbitos anómalos, acontecem.

Os óbitos e o crime

Fiz uma pesquisa na Google sobre o tema “óbitos na madeira”. E apareceu isto ( "fotografei" os que apareceram juntos e logo por coincidência 3 jornais diferentes ...mas os dislates na pesquisa são maiores ).  


Cada cabeça sua sentença. Bonito. Porque o problema muitas vezes não são os jornais ( claro que muitos são pagos para fazer loas ao regime, porque dependem dele, que lhes paga as contas). O problema é também em quem lhes “debita” as notícias, DREM e os jornalistas que as recebendo não “pensam” e parecem estar a ser pagos para "montar" o regime. Aliás, a delegação do sindicato de jornalistas na Madeira, parece ser também uma vendida. Porque olha isto e nada faz, nada diz e tudo deixa andar (alguma vez levantaram a voz quando verdadeiros jornalistas são ameaçados. relatam diferente...). Demasiadas vezes o mesmo jornalista “escreve” 2 noticias contraditórias, sempre a favor do (des)GR numa semana. Será falta de cabeça, é um jornalixa(o), muita ignorância ou é pago pelo regimem recebendo o SINF - Subsidio para Incorporaçãp de Noticias Favoráveis, que é muitas vezes trocado por um emprego de familiar no Regime ? 

Imagem Jornal de Negócios, Madeira

Depois temos no dia 8 de Novembro o DN-M a dizer “mais 83 mortes que o normal” na RAM.


Mas no meio desta autêntica confusão que existe por culpa de ausência de informação credível do (des)GR sobre estes factos, NINGUÉM, MAS MESMO NINGUÉM reparou que a situação da saúde pública na Madeira é bem mais grave do que pensamos ou o (des)GR diz. 

Mesmo que estes 83 mortes não sejam devidas ao Covid ( acredito que algumas poucas são ), estamos a esquecer uma coisa: existiram, existem, vão existir mortes acima da média. E aí o (des)GR tem culpa. Sigam o meu raciocínio.

Se existiram MAIS 83 mortes que o normal, se destas ninguém se suicidou e nem todas foram “por velhice” ( o novo eufemismo criado para explicar o inexplicável na RAM, o outro são "morte por paragem cardiorrespiratória" ) então as pessoas morreram por falta de cuidados. Só pode ser. E se morreram por falta de cuidados e dado que este (des)GR diz que a sua política social e de saúde é eficaz E que ..... abarca todos, então o (des)GR e as suas políticas TÊM DE SER INEFICAZES. Resta saber se por ignorância e deviam ser penalizados ou se sabendo e a mantêm devem ser criminalizados.

Das duas uma. Ou o (des)GR MENTE e não segue as pessoas, especialmente os mais frágeis ( e aí será uma falha dos serviços da Segurança Social/Saúde que o (des)GR administra) ou o (des)GR MENTE porque afinal existem/existiram pessoas a quem faltou assistência médica e que a política de saúde da Madeira abandonou ( das tais listas de espera estática-dinâmicas de MA e que o des(GR) não quer actualizar ). Num e noutro caso o (des)GR é um criminoso, é um assassino. Por ou sabendo deixou pessoas morrer, ou sabendo deixou de lhes dar assistência. Deviam todos responder perante a justiça e também os seus cúmplices na ALRM e noutros locais ( até mesmo aqueles que branqueiam estas "coisas" nos jornais ). 

NOTA final: a mensagem deste regime sobre a covid tem sido esta. 1) Não temos, 2(temos mas a cukpa é dos turistas, 3) também dos continentais. 4) Smos os mais seguros, 5) ninguém ainda morreu. 6) aqui ninguém entra sem testar. 7) os casos que temos sáo de fora. 8) Temos casos suspeitos, 9) Temos mas sºao poucos, 10) os óbitos são de pessoas mais fragilizadas 11) Temos e agora é que se vai testar quem entra, 12) não temos surtos 13) Temos mas apenas sºao transmissºao local...Aos poucos e contra a vontade...começam a admitir. E SIM EXISTE TRANSMISSÃO COMUNITÁRIA ACTIVA

Que vantagem têm os mentirosos? A de não serem acreditados quando dizem a verdade, Aristóteles

A foto da semana

Esta é uma nova rubrica da GNOSE. Vamos tentar com fotos demonstrar em imagens como o (des)GR é falso, manhoso, ignorante, parvo e sobretudo preguiçoso em actos e trabalhos. Nesta semana, escolhi estas fotos ambas retiradas das páginas do DN-M


FOTO 1- Aqui estou eu a trabalhar. Eduardo Jesus a "dizer" que trabalha. Neste caso em reunião com os vizinhos da ACIF, parece. Como todos acreditam que "não faz puto" chamou os jornais ou mandou que o fotografassem para enviar para os jornais. Mas para ele "uma imagem já não vale 1 000 000 0000 0000 000 000 000.......palavras" porque ninguém acredita. Ficamos contente por ele ter um PC para passar os tempos...talvez em reuniões inconsequentes como esta. E é pateta. A acusações que não trabalha responde com fotos encenadas. Má consciência ?


FOTO 2 - Aqui estou eu a ver como se planta uma árvore. A Secretária Prada com mais 2 "palonços" a fazerem uma visita "de trabalho" na plantação de 88 500 árvores. À boa maneira deste (des)GR temos um a trabalhar e 3 assistentes. Percebemos já para onde vai o nosso dinheiro.  Eles já se enterraram e fazem por nos enterrar. Ao Sr. trabalhador da foto, apenas lhe posso dizer uma coisa. Trabalhe homem trabalhe e olhe para ali ao lado quem lhe leva os quase 30% de imposto no salário. 

Eu vou escolher a FOTO 2. Afinal, para além da "estupidez natural" demonstrada mostra o que o regime e o (des)GR fizeram nesta região, onde cada madeirense tem de sustentar com o seu trabalho 3 imprestáveis. 

(Mas se faz favor, quem me lê e se tiverem mais fotos deste tipo ....enviem para o meu email )

Uma Madeira mais simples, mais difícil( do que agora?) e bem menos "montada". É por ela que se luta.

Madeira Island - History Hotel Savoy + Mount Railway Station


Share on Google Plus

0 comentários:

Publicar um comentário

Pedimos que seja educado e responsável no seu comentário. Está sujeito a moderação.