Predilectos e em atalaia

Um Governo civil, quando instituído somente para a proteção da propriedade privada, é na realidade instituído para a defesa dos ricos contra os pobres, dos que têm propriedade contra os que não têm, Adam Smith
Pre(diletus) e em atalaia (*)

A Diletus recebeu 1 400 000 € (  UM MILHÃO E QUATROCENTOS MIL EUROS )  no ano passado para “para fazer face às despesas inerentes ao desenvolvimento de actividades que se enquadram num programa de intervenção de cuidados continuados  ( CC´s ) integrados a 45 pessoas…”. Um valor “distribuído” para OITO meses, o que dá cerca de 3 900 € / pessoa / cama / mês. Diário Noticias, 3 de Abril 2019. Não foi um euromilhões. Foi um CC´s milhõesNão acontece a todos, apenas a muito poucos e aos bem colocados.
Ladrão: nome vulgar para um indivíduo com sucesso em obter a propriedade dos outros, Ambrose Bierce
A Diletus naquela altura NÃO tinha experiência, como hoje AINDA HOJE não tem, para fazer aquele tipo de serviços, porque como é sabido, gerir-se uma unidade de CC´s ou fazerem-se CC´s, não é o mesmo que se ter ou gerir um Lar ou Residência assistida.

São necessárias instalações, equipamentos e recursos humanos específicos para tal, como por exemplo 1/2 médicos a tempo inteiro para aquele número de pessoas, que a Diletus NÃO tem ( não basta passar lá 1\2 horas por semana e afiançar que lá estão todos os dias ), fisiatra ( um, num mínimo de 2h diárias), fisioterapeutas ( 3/4 para aquele numero de utentes ), psicólogos ( 1/2), assistentes sociais ( 1 ) psiquiatra ( pelo menos 6h/8h semanais )  um ginásio ( com equipamentos técnicos adequados, não apenas passadeiras, pedaleiras...mas também ultrasons, laser´s... ), sala de actividades de vida diária, terapeutas da fala e ocupacionais ( pelo menos 2 ), 22\24 enfermeiros e igual número de pessoal técnico auxiliar. By the book segundo o estipulado pela Unidade de Missão de CC´s e que a RAM diz seguir ( dixit Teresa Goes, a Dra., não a enfermeira ).
Um ladrão honesto é o meu ideal, Garibaldi
Tudo isto a Diletus não tem. Também e muito importante, dois gabinetes médicos, copas ( duas pelo menos ) e 2/3 salas de enfermagem,  com capacidade de ali se colocar a medicação diária e/ou semanal a ser tomada por aqueles utentes ( se for em unidoses então é necessário embalamento próprio, porque por exemplo, os comprimidos NÃO podem estar á solta ). Resta também a necessidade de um desfibrilhador portátil ou carro de urgências (que o pode ter ), que a DIletus NÃO tem, mais os circuitos de gases nos quartos onde estes utentes vão ficar e/ou unidades portáteis.  Circuitos de lixos normais, orgânicos ( compressas com sangue, pensos, ……   ), lixos não orgânicos ( por exemplos agulhas, material não orgânico usado ) e para roupas ( normais e sujas / com detritos ou outras excreções naturais em pessoas com feridas/escaras... ). Equipamentos/contentores próprios para recolha e tratamento deste tipo de produtos ( lixos orgânicos e não orgânicos sendo que alguns poderão ser recolhidos por empresas com alvará para os transportar e tratar, porque a Diletus NÃO TEM incinerador próprio). Parece NÃO possuir autoclaves ( para esterilizar por exemplo arrastadeiras …… ) e NÃO TEM estufas de esterilização ( porque nem todo o material de enfermagem ou saúde é descartável ). Tudo isto a Diletus NÃO tinha, como ainda NÃO tem ( talvez nem sequer um circuito separado e exigido de roupas, sujos, tipo de sujos e limpos, para a lavandaria ). E não esquecer sobre a existência ou não de lavandaria, a mim e muitos disseram que tinham, a outros dizem que mandam para fora ( se assim for a empresa tem de ter alvará para transporte e tratamento daquele tipo de roupas ) devem existir equipamentos e produtos próprios para determinados tipo de roupas (  de cama, pessoais, com detritos ...). Carros para transporte de alimentação para utentes acamados ( mantendo a comida quente ) são poucos, tal poucos ou inexistentes, salas para banhos assistidos, banheiras ou cadeiras de banho apropriados para banho, nos quartos de banho que TODOS os quartos deveriam ter e com  medidas adequadas para tal ( apenas me refiro aos quartos para CC´s ). Poderia elencar mais situações. Bastam estas.
Um homem que rouba por mim fatalmente roubará de mim, Theodore Roosevelt
Já na altura, Abril 2019, se perguntava o porque de assim, sem mais nem menos, o GR DAR/entregar este dinheiro a quem não tinha ( e não  tem ) capacidade, quer humana ou técnica, para fazer CC´s, mesmo nas tipologias mais fáceis: a longa e média duração. Obviamente, como a escolha não foi pela capacidade técnica ou experiência da empresa, restam apenas motivos políticos, digamos de “confiança politica”. E todos sabemos o que que na RAM quer dizer "confiança politica": são os ismos: seguidismos, amiguismos, companheirismos, "ajudismos", "comparticipacismos".... O que é verdade, afinal a associação ASSICOM - Diletus - psd-M- GR é grande. E notória.A saúde dos Ramos é por demais evidente ( ASSICOM-DILETUS-psd-M- GR- ALRM ). Existirá mais alguém neste circuito de amizades ? Sim existe. Nem tudo a Vice-Presidência pode esconder. E ter sócios "ausentes" fica sempre bem para se obter, não se demonstrar  o óbvio e a potencial ilegalidade.
Honestidade é um presente muito caro. Não espere isso de pessoas baratas, Warren Buffet
Portanto, nada de estranhar, quando agora o GR, prorroga por mais 3 meses, logo com 278 460 € ( DUZENTOS E SETENTA E OITO MIL E QUATROCENTOS E SESSENTA EUROS ) mais uma vez  a tal experiência-piloto ( Funchal Noticias, 5 Março ). , na Diletus. São, até 30 de Março, cerca de 2 063 € / pessoa / cama / mês. Tudo numa unidade que possui menos de 70% dos requisitos técnicos ( equipamentos, materiais ) e menos de  60% dos  requisitos humanos para funcionamento segundo as determinações da Repúnlica e repito, seguidas pela RAM, segundo afirmações públicas dos responsáveis pelos CC´s
Por isso também não se estranhe quando o psd-M, acompanhado pelo cds-m chumba na ALRM a fiscalização desta rede de CC´s. Porque muito dinheiro está a ser passado, a ser confiado, a ser entregue neste novo el-Dorado da RAM: os CC´s. Veja-se que nem critérios de admissão existem e quando existem, cada "cabeça sua sentença". Foi o que aconteceu com a Dna. G. quando foi á Diletus: as camas já estavam "todas ocupadas", isto em Abril/Maio do ano passado e continu(v)am a estar excepto se pagasse cerca de 1 300 € ( sem medicação ) mensais. Mas para o Sr. F. já seriam 1 800 €. Quando telefonei para lá a pedir informações  para um familiar, ter acesso a .... foi "o cabo dos trabalhos". Até a directora teve alguma dificuldade na resposta. Lamentável. Por isso a Diletus, em alguns, ganha em dois lados, GR e particulares, para os do regime ganha apenas pelo GR, ou como se sussura, mas não posso confirmar, alguns não pagam, acerta-se contas com a ASSICOM. Como os CC´s estão na dependência da Vice-Presidência, rimou, existe uma inêxistência de transparência, rimou outra vez. Veja-se este artigo na Gnose ""Illuminati" ou iluminados na Região"
A comissão faz o ladrão, Jô Soares
Em Lisboa, aquilo não abria. Mas na Madeira, como quem dita estas regras, parecem tipo Ad-Hoc, parece ser a Dra (não Enfª como lamentavelmente referi emUma saúde paliativa”, Diário Noticias Madeira, 24 Janeiro ) Teresa Goes, coordenadora para os CC´s na RAM, no âmbito da Vice-Presidência, tudo é possível. Como é possível, continuar a fazer-se trabalhos e a dar “serviços” a outro grupo sem experiência, o Atalaia. Não bastou um parecer desfavorável do TC, a este negócio "escuríssimo" porque afinal quem manda …é a VP de PC, Goes & companhia. Têm predilectos e estão sempre à espreita e à espera para e por estes. Para eles estão sempre, mesmo sempre à disposição, em atalaia e nunca incomodam.. 
Esse privilégio de sentir-se em casa em qualquer lugar pertence apenas às prostitutas e aos ladrões, Balzac
Outra coisa, estive à procura em "BASE: contratos públicos on-line"  ( base de dados pública onde deverão estar publicados TODOS os contratos e tipo, das entidades públicas do país, inclusive actos dos governos regionais, empresas públicas e nada vi sobre o 1,400 000 € entregues á Diletus em Abril/Maio do ano passado. IASaude ? Vice-presidência ? SEc. Reg. Saúde ? Erro meu ou falta vossa ? Ou apenas esconde-esconde ?

(*) Sinónimos de atalaia
guarda, guarita, espreita, sentinela, vigia, guarida ( nunca um nome de um grupo foi tam bem escolhido para fazer negócios com o GR)

PS-Madeira e a Saúde

No continente português, sobretudo no seu interior existe a dualidade Câmara Municipal x Misericórdias . Em poucas palavras, nos municípios interiores os maiores empregadores são aquelas entidades e quando o PS está na Câmara , na Misericórdia está o PSD ou vice -versa ( normalmente acontece sempre entre os 2 partidos mais votados no município ).
Perca dinheiro da firma, e eu serei compreensivo. Perca uma migalha da reputação da firma, e eu serei impiedoso, Warren Buffet
O PS-M fez as sua jornadas da Saúde. E espero que não as tenha feito dentro da lógica de cima:,como está na oposição...faz seminários ou jornadas. Criticou, porque tinha de criticar o actual estado das coisas na saúde (demasiado mau para ser verdade) e  nomeou segundo percebi três áreas prioritárias de intervenção: As listas de espera; instalações/novo hospital e melhores cuidados. Paulo Cafôfo, pediu também mais médicos e enfermeiros.

Mais uma vez, o  PS-M não percebe o simples O SRS vai continuar mal, mesmo com mais médicos ( podem dar um para cada madeirense ), enfermeiros, técnicos …… com o novo hospital e com mais dinheiro. Porque o que está mal é a ORGANIZAÇÃO e necessidade de COMPETÊNCIA para gerir, organizar, dirigir, disciplinar, melhorar e fazer prevalecer o mérito e não o cartão do partido ou o lobby. Criar orgulho em ser-se profissional de saúde no SESARAM Infelizmente o PS-M, de novo atirou ao lado e perdeu a oportunidade de ser diferente
Previsões geralmente dizem mais sobre quem faz a previsão do que da previsão em si mesmo, Warren Buffet
Não é com mais que se resolvem as coisas. É começando por usar e gerir bem o que se tem. Cortando nas gorduras e nos lobbys. Disciplinando, optimizando recursos e fazendo prevalecer a meritocracia. O resto ….são cantigas ( as mesmas do psd-M ) ou o PS-M tem medo de dizer que é preciso que os profissionais dêm mais, trabalhem melhor, faltem menos e sobretudo para a classe médica: quem quer estar a trabalhar no SRS não pode colocar os seus interesses pessoais nas clínicas em primeiro lugar ? Será difícil dizer isto ? Reparem, como se viu numa entrevista na RTP-M, os médicos votam quase todos no psd-M . Não vão votar em vocês. Quem vota em vocês é o povo. E o povo ao olhar para estas conclusões só pode pensar isto: mais do mesmo. Onde está a diferença ? o PS-M já está nas mãos de lobbys ? Onde se ouviu António Pedro Freitas nesta palhaçada com MP ? Resguardado no PS-M ? E o profissional o que disse ? NADA. Porque, infelizmente, como ex-responsável pela secção regional da Ordem dos Médicos, não "tugiu nem mugiu" quando á sua frente nomeações politicas foram feitas. E quem cala, consente.
Pessoas que são boas em arranjar desculpas raramente são boas em qualquer outra coisa, Benjamin Franklin
Mais um tipo de desculpa

Foram os ingleses, Lisboa, o Sr. Silva, os ingleses, o PS-M, os cubanos infiltrados, os ingleses, a UE, Soares, Guterres, Santana, Passos, Costa, Centeno......Agora chegou by MA outra desculpa para as coisas economicamente não estarem ou não correrem bem. O Covid 19 ou o coronavírus. O azar de MA, é que o decrescimento da economia regional, após aquele anémico crescimento artificial de pré-eleições ( Julho, Agosto, Setembro ), continuou logo em Outubro. Nunca uma passagem de ano foi tão fraca em número de turistas e barcos, como também nunca um Carnaval foi tão mau em visitantes exteriores. E sobre os hotéis terem uma média de ocupação de 75% ( numero redondo fica bem ) , o que vale se os hoteleiros ganham menos ( como dizem ) paguem cada vez pior, mais tarde e muitos já com ordenados em atraso.
Destino: aquilo que autoriza os crimes do tirano e serve de desculpa para os fracassos do idiota, Ambroise Bierce

Porque hoje é dia da Mulher e porque elas merecem  uma escolha de vários estilos desde Dolly Parton, Bob Dylan e Shania Twain.

Bob Dylan - Just like a Woman:


Shania Twain - Man! I Feel Like A Woman:


Just Because I'm A Woman by Dolly Parton:

Share on Google Plus

0 comentários:

Publicar um comentário

Pedimos que seja educado e responsável no seu comentário. Está sujeito a moderação.