Tudo pelo Calado e pela calada

 

Jornalismo é publicar aquilo que alguém não quer que se publique. Todo o resto é publicidade, George Orwell

Parece que Calado vai ser o “ungido” pelo regime como candidato nas autárquicas à CMF. A câmara mais importante da RAM, quer se queira ou não.  O psd-M quer conquistá-la. O PS-M, por Paulo Cafofo, quer "reconquistá-la". Esquisita esta terminologa..... Miguel Gouveia quer é ganhá-la. O resto são cantigas. E Calado nada diz, mas procura a "vaga de fundo" que o leve lá. Tipo "não, não, não....sim, sim, sim.....". Nada de novo nessa pantomina. E se a tal "vaga" não existe, vai ser criada artificialmente...inclusive com sondagens pifías.

Neste jogo, o regime vai usar até às últimas, mesmo antes das eleições fecharem, tipo 18h59, o facto de Pedro Calado ser vice-presidente deste (des)GR, para usar toda a comunicação social afecta ao regime, pelo regime e do regime, para empolar mais “coisas” para Pedro Calado. “Coisas” boas que só ele pode “dar”, sobretudo explicar. Dar um ar de "estadista", pessoa séria....a quem é apenas um "gajo" vulgar, "tipo" de contas desacertadas, um "passa-culpas". 

Pedro Calado a jogar em “casa”, vai também ter toda a equipa técnica do desgoverno, do PSD-M , mais aquilo que antes se chamava CDS-M a trabalhar para ele. Mas mais…muito mais. Incluem-se nesta equipa técnica, muitos funcionários públicos que o psd-M empregou no (des)GR e demasiada comunicação social. O mesmo de sempre. 

É que não estou a ver a comunicação social paga pelo regime e que tem como acionistas o AFA e os Sousas, a fazerem diferente nas " habituais manobras" de pressão que o psd-M/regime fazem ao eleitorado, nem quererem outro que não Pedro Calado na CMF. E a comunicação social da Madeira, fechando os olhos, empolando e noticiando mal, está a fazer de VAR. Uma comunicação social (jornais, rádios, Tv´s....) que parece muitas vezes um circo, onde tenta vender as verdades do regime, os quereres do regime.

Parece que o jornalismo na Madeira cometeu suicidio. Os primeiros tiros para estas eleições com Calado, foram dados no JM-M naquela entrevista à medida, onde Pedro Calado disse tudo o que lhe “ia na alma”, inclusive mentindo, ao dizer que é no Funchal onde impostos são mais altos. E o jornalista, tinha que ser Agostinho Silva, perguntou pouco pelos seus pecados. Aliás este Agostinho, que se diz jornalista, é uma pessoa que errou a vocação. Infelizmente aqui na Madeira outros acompanham-no. Agostinho Silva "et les outres", aplicam aquela velha máxima "o que se escreve hoje, esquece-se amanhã. O que é preciso é escrever para formatar o eleitorado". Como dizia Volteire, tornaram os jornais um imenso arquivo de futilidades. 

À boa maneira de Moscovo, Pequim, Caracas, Pyhong Pen, ...desde à muito os jornais da Madeira, fazem pelo regime. As imagens que junto neste artigo do DN-M e JM-M, no dia em que este está a ser escrito, dizem tudo. Se isto a favor do regime não está concertado..."vou ali e já venho".

Os jornalistas são os trabalhadores manuais, os operários da palavra. O jornalismo só pode ser literatura quando é apaixonado, Marguerite Duras

O DN-M ontem, escrevo a 10 Fevereiro, já vinha com mais uma transcrição da DREM. Parece que tivemos um saldo favorável na balança de exportações com o estrangeiro (para eles Lisboa é estrangeiro? ). Aliás, este jornalista, Francisco Cardoso, escreve quase o mesmo que escreveu a 9 Novembro de 2020 ( veja-se ). Pessoalmente  acredito,  tivemos apenas, mais exportações de facturas da ZFM  para o exterior.

Veja-se o negócio tipo: A empresa  PETA SA, com produção em “judas perdeu as botas”, factura para a sua filial PETA & FRIENDS, sediada na ZFM, a sua produção de “unhas encravadas” por 1€, e nesta operação, a Peta SA já tem uma margem de 25% ( às vezes mais porque a PETA SA, até compra na China).

No site do JM-M é contar as noticias do regime, da oposição e dos outros

Uma exportação de facturas na Madeira, ZFM, conseguida apenas por 1 a 2 pessoas , muitas vezes advogados, contabilistas, … De referir que estas pessoas, também podem ser funcionários, administradores de outras empresas parecidas com esta PETA e fazem isto “com uma perna ás costas”, porque basta impressora e computador ( Às tantas até em casa, onde têm um Bobby, um Tareco para lamber os selos).

E assim a RAM sem “fabriquetas” consegue exportar facturas/produtos e essas facturas fazem aumentar o tal saldo da balança de exportações para o estrangeiro. No exemplo que dou, com “unhas encravadas” ( talvez compradas aos chineses….). O giro nisto, é que a PETA SA, ganha a muitos tempos.

1) quando vende TODAAAAA  produção para a PETA & FRIENDS (muitas vezes apenas com uma factura ).

2) quando a PETA & FRIENDS "exporta" facturas para os clientes finais/distribuidores. 

3) quando a PETA & FRIENDS coloca a sua margem, pode ser 50%,  aos seus clientes, nas “unhas encravadas” que “comprou” à PETA SA

O jornalismo moderno tem uma coisa a seu favor. Ao nos oferecer a opinião dos deseducados, ele mantém-nos em dia com a ignorância da comunidade, Oscar Wilde

4) não paga aos trabalhadores madeirenses (que não existem, mas  deviam existir segundo as regras da ZFM), ordenados.

5) porque consegue pagar MEEEEENOOOOS impostos à Madeira, usufruindo dos benefícios, não cumprindo as regras, da ZFM. 

E no DN-M ...tudo concertado nas noticías. Coincidência era se isto não fosse sempre.

E isto nas “barbas” de toda a gente, Pedro Calado incluído. Afinal aquela empresa, SDM criada para vigiar estas normas, que era regional, depois passou a ser privada (com o Pestana ) e agora voltou a regional, “pertence" à área de actuação de Pedro Calado….. A tal empresa que tal como nos jornais, o (des)GR "concertou"  por coincidência por certo, a sua venda, com a venda da Quinta das Flores de MA. Parece um negócio de venda, compre uma, leve duas.

O engraçado neste exemplo, existem mais, é que o jornalista ….. nada perguntou sobre algo caro a Pedro Calado, o CINM/ZFM e a SDM. Como não fez, por exemplo estas perguntas,

1) Óhhh Sr Dr, atira-se à CMF porque diz que ali paga-se mais impostos. Mas reparou por acaso que as receitas da CMF aumentaram porque mais actividade económica existiu ? Porque MAIS RECEITA NÃO SIGNIFICA  NECESSARIAMENTE MAIS IMPOSTOS

2) Óhhh Sr Dr, diga lá é coincidência ou apenas má observância minha, que quase todas as câmaras municipais da oposição não receberam o que lhes era devido de IRS e porque é que o seu governo pagou a umas, às cãmaras do seu partido e foi obrigado pelo tribunal a pagar a todas as outras ?

3) Óhhh Sr Dr porque é que você como vice da CMF, defendia uma coisa, a entrega destes valores do IRS que na altura ficavam com o governo de AJJ para as câmaras e agora como vice do governo defende o contrário ?

A DREM escreve e como sempre o JM-M e DN-M transcrevem

4) Óhhh Sr Dr porque é que  contrariamente ao que fez com a empresa onde trabalhava, a AFA, neste caso (IRS) o seu desgoverno vai interpor recurso por 9 MILHHHÕÕÕszitos e com a AFA por 50 MILHÕESzãos ,,, não interpôs …..ainda por cima por obras nunca realizadas. E porque é que o senhor "inventou" obras e deu a concurso, quando sabia que nunca poderiam ser realizadas ?

5) Óhhh Sr Dr, porque as perguntas, são como ginjas, porque é que um caminho de pedras é transformado num caminho agrícola para plantações “ingricolas” que não existem….apenas para fazer uma estrada lá pela Laurissilva ?

6) Óhhh Sr Dr, porque é que a RAM continua a ser a única região do país com R0 (índice de transmissibilidade ) superior a 1 ?

7) Óhhh Sr Dr, porque é que o site do seu governo bloqueia as pessoas que fazem criticas às medidas do seu governo ? censura ou odeiam que se pense diferente ?

Seriam umas atrás das outras. Mas adorava sobretudo estas.

8) Sr Dr quantas vezes foi condenado pelo Tribunal de Contas de práticas ilegais na gestão da coisa pública,  onde e quanto é que pagou em multas (ou quem pagou )?. E fez exactamente o mesmo no (des)GR que fez na CMF ?

9) Sr Dr, tantas vezes criticou os governantes de Lisboa de imoralidade e para si não é imoral que como governante assine adjudicações para o seu antigo patrão ? Não vê aí nenhum acto, se não ilegal, pelo menos pouco ético ? E sabe que por menos, ministros, secretários de estado pediram demissão ou foram demitidos em Lisboa ? Como consegue criticar uns exactamente por aquilo que faz e bem pior ?

10) Sr Dr.... vai voltar para a AFA ou para o governo se perder as eleições na CMF ? Ou vai para o poleiro dourado da ALRM ? Fazer o jogo que sempre soube fazer: do "espirito santo de orelha ?" de confortar, aconchegar os seus ?

É da própria natureza do jornalismo apontar o que esteja errado para que seja corrigido. Mostrar o que está ruim para que seja melhorado. Denunciar os que corrompem para que sejam punidos. Expor os que estão em dificuldades para que possam ser ajudados, William Bonner.

Mas retomemos o raciocínio.

Temos então o JM-M já a fazer o seu papel, de criar condições para o seu candidato, o antigo funcionário da AFA, que é também dona do JM-M. Os “in” a fazerem campanha para o “ex” mas aconchegado. 

E o DN-M ?

O director do DN-M, queixou-se bastas vezes que o Avelino lhe ofereceu “porrada”. ameaçou …. Coisa de DDT, de pobreza mental, claro ( quem oferece ). Porque não gostou o que o DN-M escrevia sobre ele. 

Hoje, o AFA depois de uma “blitzkrieg”, é acionista do DN-M e o director tem de aturar o seu putativo agressor e "pobre de espiríto" ameaçador, como administrador, ou outro por ele. Em resumo …. o ameaçado é funcionário de quem ameaçou. Confesso que não queria estar na pele do director do DN-M. É preciso estômago, porque Avelino por certo não ficou diferente.

Como é que o DN-M vai actuar nestas autárquicas? Alguém terá de engolir os sapos e não acredito que seja o AFA. E se existe um tratado de “Tordesilhas” , já sabemos como é que acaba….”mudam-se os tempos, mudam-se as vontades, talvez se mudem as verdades e impõem-se novas autenticidades”. Mas para já, o DN-M, pela pena do director Ricardo Oliveira, continua a ser um oásis, porque parece que tem ali umas poucas andorinhas (que nunca fizeram nem farão a primavera ).

O DN-M adora falar destes prémios que a Madeira "ganha". Vejam quantas categorias e quem vota. Para todos os gostos. Porque os patrões são hoteleiros ? Ou é mesmo sí paroquiano ?

Como se pode ver pelas imagens, uma agência de informação existe a trabalhar para o (des)GR e trabalha bem. A esta, junta-se a DREM, sempre com números estatísticos favoráveis ao (des)GR, os tais números de folha de excel, que nunca são pensados criticamente pelos jornalistas. Aliás, parece-me que existe uma "coragem" de afirmar asneiras por muitos jornalistas da Madeira, dada a gritante improvisação dos seus trabalhos. Delphine de Girardin dizia que "não são os redatores que fazem o jornal, mas os assinantes". Com toda a razão. Na Madeira o (des)GR assina muito. Se não eles, os amigos por ele, "quer se queira, quer não".

Por isso, novos actores na cena da comunicação social da Madeira são precisos: comprando ou montando.

Porque estamos a perder uma amiga, a CS na Madeira, porque está de chuva

Supertramp - It's Raining Again


Share on Google Plus

0 comentários:

Publicar um comentário

Pedimos que seja educado e responsável no seu comentário. Está sujeito a moderação.